Se cuidar é um ato de amor

Outubro foi o mês escolhido para a conscientização sobre o câncer de mama, esse é o câncer que mais atinge e mata mulheres, por isso a importância de falar sobre o assunto. 

Segundo Instituto Nacional de Câncer (INCA), no Brasil, o câncer de mama é o que mais atinge mulheres, em 2019 a taxa de incidência é de 51,29 de casos em cada 100 mil mulheres. A única região do país que esse câncer não é o primeiro da lista em incidência é a região norte, onde o câncer de colo de útero predomina. 

Algumas atitudes simples do dia a dia podem ajudar a prevenir ou diagnosticar o câncer ainda na primeira fase, aumentando as chances de cura. 

30% dos casos poderiam ser evitados com hábitos saudáveis, e o diagnóstico no primeiro estágio da doença tem, em média, 88,3% de sobrevida. 

Atitude como, a prática de atividade físicas, alimentar-se de forma saudável, não fumar, ter o peso corporal adequado, não ingerir bebidas alcoólicas e evitar uso de hormônios sintéticos em altas doses pode ajudar na prevenção, já que apenas 5% a 10% dos casos são hereditários. 

Para o diagnóstico precoce é preciso se conhecer, conhecer os detalhes do seu corpo e qualquer alteração procure um especialista. 66% dos casos são descobertos pelas próprias pacientes, pelo exame de toque. Depois dos 40 anos, que é quando a chances de um diagnóstico de câncer aumenta, é recomendado fazer a mamografia periodicamente. 

Existem vários casos em que hábitos saudáveis ajudam pacientes diagnosticadas. Um desses casos é o da Estela, ela descobriu o seu primeiro nódulo benigno em 2001, já gostava de fazer atividades físicas, mas depois do nódulo, passou a intensificar os treinos. 

Em 2016 descobriu um nódulo maligno na mama, foi quando começou o tratamento contra o câncer de mama. Passou por cirurgia, pela quimio e radioterapia, mas sempre que liberada pelo médico, estava na academia com disposição para os treinos. 

Contrariando as expectativas, ela não teve quase nenhum efeito colateral do forte tratamento. Os medicamentos que ainda toma hoje, faz a maioria das pacientes ganhar peso e acumulam gordura, contrariando as estáticas ela não está engordando, pelo contrário, perdeu 4% no percentual de gordura em 4 meses.  

Estela ainda dá um recado para as mulheres: “As pessoas acham que ficamos debilitadas, mas não, atividade física ajuda muito, e eu quero que as mulheres e homens (homens também têm câncer de mama) saibam disso.”

Está esperando o que para começar a se cuidar? Nunca é tarde para começar a ter hábitos saudáveis. Se cuidar é um ato de amor próprio, então clica no botão abaixo e marque uma aula experimental. Vem se cuidar!

Fechar Menu